Tags

, ,

O Brasil já desponta no cenário internacional como um dos mercados mais preocupados com o quesito saudabilidade quando o assunto é alimentação. O crescimento deste segmento no país, que movimentou US$ 34,7 bilhões em 2014, 72,3% a mais do que o montante registrado cinco anos antes, segundo a Euromonitor, já chama a atenção de empresas estrangeiras, como a Yonanas. A marca do equipamento que transforma frutas congeladas em sorvete, sem necessidade de adição de nenhum outro ingrediente – como açúcar, água, iogurte ou leite -, aposta suas fichas no mercado nacional.

A fabricante foca especialmente em um mercado que não para de crescer: o formado por pessoas com restrições alimentares. O maior crescimento se deu nesse segmento destinado à intolerância, que saltou 211,5% de 2009 a 2014 – passando de US$ 50,3 milhões para US$ 156,7 milhões, como mostrou reportagem do Mundo do Marketing. O equipamento Yonanas já é distribuído em cerca de 55 países, tendo sido lançado nos Estados Unidos há quatro anos.

No Brasil, o produto custa R$ 250,00 e o desafio da empresa é mostrar como ele funciona. Para isso, a venda está acontecendo, inicialmente, com exclusividade pelo Shoptime, na qual é possível fazer a demonstração de uso. “Existe a tendência de as empresas criarem jeitos fáceis e divertidos para os consumidores se alimentarem de forma saudável. Ninguém quer ter que se sacrificar para comer bem. Precisa ser delicioso”, diz a Cofundadora e Codesenvolvedora do Yonanas, Eileen McHale, em entrevista ao Mundo do Marketing.

Nos demais países, o produto chegou ao varejo em geral em um segundo momento da distribuição e o mesmo deve ocorrer aqui no Brasil. O mercado B2B também está no horizonte da empresa. O grande diferencial do equipamento é a textura das frutas após a emulsão e a rapidez do processo. “As pessoas querem se alimentar melhor, mas não estão mais dispostas a abrir mão do que amam e do sabor”, resume Eileen.

Por Renata Leite, do Mundo do Marketing | 14/04/2015

http://www.mundodomarketing.com.br

Anúncios