Tags

, ,

Com o início da São Paulo Fashion Week, maior e mais importante semana de moda do país, o setor de vestuário se depara com as tendências e estilos que provavelmente tomarão conta das ruas nas próximas estações, movimentando compras e vendas no mercado.

Só neste ano, os brasileiros devem gastar cerca de R$ 129 bilhões no consumo de roupas, total 18% superior ao estimado em 2012. Os dados são do Pyxis Consumo, ferramenta de dimensionamento de mercado do IBOPE Inteligência, e apontam que cada brasileiro deve gastar neste ano, em média, R$ 786 com vestuário. No ano passado, a média nacional foi de R$ 670 per capita.

De acordo com o estudo, as classes B e C serão as maiores consumidoras, com 40% dos gastos cada uma. A classe A deve representar 12%, com potencial de consumo de R$ 15 bilhões, acima dos R$ 13 bilhões do ano passado. As classes D e E compõem o menor grupo de consumo para o varejo de moda, com potencial estimado de 8%, o que equivale a R$ 10,5 bilhões. Apesar do baixo volume, o crescimento esperado é 47% sobre os R$ 7 bilhões do ano anterior.

Em relação às regiões do país, o Sudeste é o que apresenta o maior potencial de consumo, concentrando 50,3% dos gastos no setor, o equivalente a R$ 65 bilhões. Na sequência, aparece a região Nordeste, com 18% do potencial de consumo, seguida das regiões Sul (16%), Centro-Oeste (8,5%) e Norte (6,5%).

Já quando considerado o consumo per capita, a região Sul é a que possui a maior expectativa de gasto por habitante, com R$ 897, seguida da região Centro-Oeste, com R$ 859, e da região Sudeste, com R$ 856. Os moradores da região Norte devem gastar R$ 692 e os do Nordeste, R$ 591.

18-03-2013 – http://www.ibope.com.br/pt-br/noticias/Paginas/Varejo-de-moda-deve-movimentar-cerca-de-129-bilhoes-em-2013.aspx

Anúncios