Tags

, , , ,

Estreia neste final de semana (23/03) o filme Jogos Vorazes, considerado por muitos como a produção cinematográfica mais esperada de 2012. Se você é fã, certamente está na expectativa e deve assistir logo neste final de semana mesmo. Agora se é hardcore já juntou uns amigos, fez aquele cosplay ao melhor estilo estilo vergonha alheia e está esperando alguma sessão da meia-noite.
Mas existem também muitos que desconhecem a origem e história por isso fizemos esse guia bem básico sobre Jogos Vorazesabaixo.

De onde surgiu?
Se um filme está aqui no Leia Literatura é porque foi inspirado em um livro ou HQ. Neste caso é adaptado da obra homônima da escritora estadunidense Suzanne Collins.
A saga é uma trilogia que ainda conta com os livros Em Chamas e Esperança; todos publicados pela editora Rocco no Brasil com capas muito mais ou menos.  As demais obras escritas também vão para o cinema com previsão de estreia para 2013 e 2015.
A História
Jogos Vorazes fala sobre a existência de um mundo distópico e pós-apocalíptico onde os EUA se tornaram uma nação dividida em 12 distritos e uma capital que os domina impondo condições de vida muito difíceis para estas possessões.
Periodicamente, esta capital realiza um evento reunindo 2 representantes de cada distrito, numa disputa onde só pode haver um sobrevivente. Como prêmio, este vencedor leva para sua terra glória e benefícios.
Neste contexto, acompanhamos a jovem Katniss que se vê obrigada a se voluntariar para participar dos Jogos como forma de substituir sua irmã mais nova que havia sido sorteada para integrar a competição.
Assim, temos formada uma história de drama e aventura com toques de crítica social que se tornou sucesso de vendas em todo o mundo, muito embora ainda não tenha estourado no Brasil.
É Igual a Crepúsculo?
Não. Muito embora existam semelhanças entre as duas histórias, são muitas as diferenças. Jogos Vorazes tem um teor crítico social, por exemplo, que não existe na saga romântica de Meyer.
Aliás apesar de ter relações amorosas, o foco da aventura de Collins não fica só no romance tendo muito drama e ação; o que acabou por tornar o livro mais aprazível para o público não feminino apesar do estigma de ser a continuação de Crepúsculo.
Anúncios