Tags

, , , , , , , , , ,

Brinquedo faz pose de modelo e imita quadros famosos

A boneca ganha contorno pop e fica a cara da Marilyn Monroe (Foto: Reprodução)

A boneca mais famosa do mundo também é uma obra de arte. Pelo menos é o que a francesa Jocelyne Grivaud pensa da Barbie. A fotógrafa fez da sua paixão de infância um modelo para acabar com as críticas que cercam o brinquedo: muito superficial, muito loira e muito magra, enfim, de ser um brinquedo idealizado demais para as meninas.

Jocelyne montou um projeto fotográfico em que a Barbie tem poses inspiradas – e até inspiradoras – em pinturas, esculturas e retratos conhecidos mundialmente. Assim, a boneca ganha um verniz pop da Marilyn clicada por Andy Warhol e uma elegância sem tamanho com os colares de pérolas de Coco Chanel.

Barbie vira uma bonequinha de luxo ao se inspirar em Coco Chanel (Foto: Reprodução)

Barbie homenageia até a clássica capa da Vogue americana, feita por Erwin Blumenfeld (Foto: Reprodução)

Na série há espaço também para interpretações fofas da artista, já que o sorriso tímido de Monalisa fica colorido com o batom pink da nova versão da musa renascentista ou, ainda, quando o submarino amarelo dos Beatles vira um carro rosa de quatro amigas.

Monalisa troca o sorriso misterioso pelo batom colorido na nova versão (Foto: Reprodução)

Nem o submarino amarelo passou em branco no projeto de fotografias da Barbie (Foto: Reprodução)

Mas não só de obras populares se faz um mito. A fotógrafa escolheu também reproduzir cenas em que a boneca deixa de lado sua pose de “loira burra”. Por isso, ela encarna também Brigitte Bardot, musa da Nouvelle Vague em cena clássica do filme O Desprezo, e Sylvia von Harden, jornalista literária que foi tema de um quadro do alemão Otto von Dix.

 

Pose existencialista, com direito a cigarro e drinque famoso (Foto: Reprodução

Revista Criativa

Anúncios