Tags

, , , , , , ,

Não há mais como ignorar: a mobilidade sustentável é urgência da vez, no Brasil e na galáxia(!). Em São Paulo, a implementação de ciclofaixas e normatização de atitudes de respeito ao pedestre e à vida, enfim, começam a sair do papel para as ruas.

E essa urgência não é privilégio das grandes metrópoles.
Múrcia, sétima cidade da Espanha com uma população de 437 mil habitantes, lançou há poucos meses e já com boa adesão, uma
campanha cujo mote, Troque seu carro por um passe vitalício no transporte
público
, incentiva o uso do trem elétrico, El Tranvía, no
lugar dos veículos particulares. A proposta é por uma cidade melhor de viver
para todos: com transporte sustentável e inclusivo, com menos carros circulando, menos congestionamento, menos poluição.

O projeto talvez não se encaixe na realidade do transporte
público brasileiro atual, mas fica a inspiração e, principalmente, o teor de
consciência social e ambiental que a campanha traz. O objetivo maior é que a
população crie novos hábitos e, principalmente, que entenda que existe uma nova
perspectiva de mobilidade no transporte coletivo. Que tal, antes de trocar o
modelo do carro, pensar em trocar os hábitos de transporte?
Foto:    Divulgação

A imagem parece bizarra, mas o problema é mundial. A falta de lugar para estacionar é apenas um dos problemas que enfrentamos diariamente e que as ações em favor da mobilidade sustentável buscam sanar (Foto: divulgação)

Veja um dos quatro vídeos da campanha espanhola:

revista Criativa

Anúncios